fbpx

Você sabe o que são cirurgias plásticas combinadas ou associadas?

Como o próprio nome já sugere, é a realização de mais de um procedimento estético na mesma intervenção operatória.

Os objetivos são:

  • entregar resultados mais alinhados às expectativas da paciente;
  • recuperação simultânea da duas ou mais cirurgias;
  • compartilhar a anestesia;
  • compartilhar a internação hospitalar;
  • reduzir custos.

Entretanto, nem tudo são flores. Também existem as desvantagens dessa prática.

A principal desvantagem das cirurgias combinadas está ligada ao aumento dos riscos, pois, cirurgias longas demais ou intervenções em áreas muito extensas do corpo aumentam os riscos.

O Conselho Federal de Medicina orienta não realizar modificações em mais de 40% da extensão corporal, simultaneamente.

Outra desvantagem é o tempo máximo no qual a paciente poderá permanecer anestesiada, de 6 a 8 horas, parar ficar no limite de segurança.

Há também restrições quanto ao tipo de cirurgias associadas. Elas devem ocorrer, de preferência, em um mesmo local ou adjacências.

Não é recomendado associar cirurgias da face com as do corpo, pois isso limitaria muito os movimentos da paciente em um mesmo período, tornando a recuperação muito penosa.

CIRURGIAS QUE PODEM SER ASSOCIADAS

Para a avaliação correta da relação benefício-risco é necessário o agendamento da consulta com o cirurgião plástico.

Agora que você conhece as cirurgias plásticas combinadas, agende sua consulta online gratuita clique: https://materiais.leonardogasbarro.com.br/consulta-online-gratuita (LINK NA BIO)

Ou ligue 31 3282-1652 ou 98899-8010 (Wzap).

Sou Leonardo Gasbarro, médico cirurgião plástico há mais de 20 anos, membro da SBCP e possuo centenas de cirurgias realizadas com sucesso.

CRM-MG 33.355 / RQE Nº: 26646